• Pelo Estado: o que há por trás do caso envolvendo Marielle Franco

Pelo Estado: o que há por trás do caso envolvendo Marielle Franco

26 Mar, 2024 08:25:43 - Política

Florianópolis (SC)

O quão chocante não foi descobrir, após seis anos, que os mandantes do assassinato da vereadora carioca Marielle Franco podem ser aqueles que, outrora, estavam a frente do caso? A revelação deixa na população um gosto de insegurança, a sensação de estarmos vivendo um filme digno da atuação do Capitão Nascimento, onde nos vemos reféns de um sistema confuso, frágil e ilegal, onde vidas valem menos que um pedaço de terra ou uns trocados de propina. Estamos sem ter em quem confiar, a quem recorrer ou por quem lutar.

O delegado Rivaldo Barbosa, dissimulado, não teve o menor receio de vir a público discursar aos quatro ventos que faria o possível para trazer justiça ao caso. Logo ele.

O “colega de trabalho”, na época vereador, Chiquinho Brazão e o irmão, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, Domingos Brazão, se teriam se unido para calar uma mulher preta, que lutava legalmente para defender seus ideais, que não condizia com os da dupla. Atrás dela, veio um rastro de sangue para tapar os furos da operação e tentar conter a queda do castelo de cartas que eles arquitetaram. Um plano elaborado com vidas e dinheiro.

No capítulo atual desta revoltante história, o trio de supostos assassinos, Domingos Brazão, Chiquinho Brazão e Rivaldo Barbosa foram presos no Rio de Janeiro, no domingo, transferidos para Brasília e encaminhados para a penitenciária federal no Distrito Federal.

E enquanto isso, Marielle reverberou os princípios e a fala em boa parte da sociedade, que decidiu, por ela, nunca se calar.

Lideranças femininas de SC


Mulheres que ocupam lugar de destaque no segmento político, jurídico, empresarial e acadêmico foram homenageadas na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, durante uma Sessão Especial proposta pela Secretaria de Mulher da Assembleia Legislativa (Alesc), comandada pela deputada Paulinha (PDT), nesta segunda-feira (25/3/2024). O reconhecimento a essas lideranças também foi marcado pelo lançamento da campanha "Mulher: o Voto que Muda a Política". Mulheres como a presidente da Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe), Luciane Ceretta; a presidente da Associação Catarinense de Imprensa, Déborah Almada; a presidente do TRE/SC, Maria do Rocio Luz Santa Rita; e as vereadoras das duas Câmaras Municipais com maior representatividade do estado (55% de mulheres), Águas Frias e Ipirá, foram alguns dos nomes que receberam o reconhecimento do Legislativo catarinense.

Apoio declarado

No último final de semana, Jorginho Mello (PL) declarou seu apoio à reeleição do prefeito de Florianópolis, Topázio Neto (PSD), durante inauguração da obra de alargamento da praia de Jurerê, no Norte da Ilha. Com o apoio do governador, Topázio abre larga vantagem na frente dos concorrentes. Entre eles, o ex-senador e ex-prefeito de Florianópolis, Dário Berger (PSDB), que retornou ao Tucano para disputar a cadeira da prefeitura. Topázio, além da simpatia do povo, também tem a simpatia do MDB, Republicanos e União Brasil. Está ficando complicado para a concorrência.

Celesc

A Celesc, mais uma vez, foi destaque no Prêmio ANEEL de Satisfação do Consumidor. Na última sexta-feira, dia 22, a Agência Nacional de Energia Elétrica reconheceu a distribuidora catarinense como a segunda melhor avaliada na região Sul entre as que atendem mais de 400 mil unidades consumidoras. E, no ranking nacional, na categoria empresas de grande porte, ficou em quinto lugar entre as 33 distribuidoras concorrentes.

Processo suspenso

O Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC) determinou ao Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), a suspensão do processo seletivo para o preenchimento temporário de 91 cargos. O motivo da suspensão é a contratação de pessoal em caráter temporário fora dos casos previstos na legislação e na Constituição Federal. A motivação para a contratação temporária, apresentada pelo IMA, é a necessidade de novos técnicos em função de um acúmulo de processos de licenciamento ambiental. A relatora do processo, conselheira Sabrina Nunes Locken, deu prazo de trinta dias para que a presidente do órgão se manifeste e apresente alegações de defesa.

Rodovia paralela

A Federação das Empresas de Transporte de Carga e Logística no Estado de Santa Catarina (Fetrancesc) protocolou um ofício junto ao Governo do Estado solicitando celeridade no projeto de construção da rodovia paralela à BR-101. A entidade entende ser a obra prioritária para resolver o problema de saturação do trânsito no trecho Norte da BR-101, que é um segmento rodoviário vital para a economia do Estado. O traçado da nova via prevê a ligação entre Joinville e o Contorno Viário da Grande Florianópolis, em Biguaçu. O ofício foi elaborado a partir das conclusões do Fórum CNT de Debates, evento realizado em março, em Joinville.

Vestibular de Medicina ACAFE

A Associação Catarinense das Fundações Educacionais (ACAFE) divulgou o calendário do Vestibular de Medicina ACAFE - Inverno 2024. Os interessados em ingressar em uma das dez Universidades Comunitárias integrantes têm de 1° a 29 de abril para realizar a inscrição no site acafe.org.br/vestibular, sendo o dia 30 de abril a data limite para pagamento da taxa. O Vestibular de Medicina da ACAFE é formado por apenas uma fase e as provas serão realizadas no dia 9 de junho. Os locais das provas serão liberados a partir do dia 22 de maio. Conforme o cronograma, o resultado final será divulgado até dia 26 de junho. Para mais informações, acesse o site da Acafe ou entre em contato pelo telefone (48) 3224-8860 ou pelo e-mail vestiba@acafe.org.br.

PELO ESTADO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

coopercocal
EXPRESSO COLETIVO ICARENSE