Pagar por sexo com adolescente é crime de favorecimento à prostituição ou outra forma de exploração sexual
14 Mai, 2018 - Segurança

STJ deu razão a recurso do MPSC que sustentou que não há necessidade de intermediário para configuração do crime de favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de criança, de adolescente ou de vulnerável, previsto n

Cooperaliança