• Vereador pediu informações sobre o Banco de Olhos

Vereador pediu informações sobre o Banco de Olhos

18 Abr, 2017 10:01:44 - Política

Criciúma (SC)

O vereador Aldinei Potelecki (PRB) entrou com requerimento na Câmara solicitando informações sobre a data prevista para funcionamento do Banco de Olhos de Criciúma. A estrutura física está pronta e foi inaugurada no dia 28 de dezembro do ano passado sem equipe técnica contratada para começar a trabalhar. O investimento foi de cerca de R$ 300 mil, e o espaço fica junto ao Hospital Infantil Santa Catarina. Assim que entrar em funcionamento, o banco deve zerar a fila de transplantes no Sul de Santa Catarina e auxiliar nas demais regiões.

“Para ser doador não é necessário deixar nada por escrito, bastando apenas deixar claro essa vontade para a família. A doação de órgãos é um ato pelo qual o doador manifesta a vontade de que, a partir do momento da constatação da morte encefálica, uma ou mais partes do seu corpo (órgãos ou tecidos), em condições de serem aproveitadas para transplante, possam ajudar outras pessoas. No Município possuímos uma obra física de qualidade com equipamentos que foram comprados para captação destas córneas. Para quem está esperando é muito importante que o banco de olhos funcione rápido, sendo que foi investido muito neste projeto. Então, o que estão esperando para pôr o Banco de Olhos funcionando e devolvendo a visão para quem precisa”, questionou.

Alvarás

O vereador ainda solicitou ao Executivo, por meio de outra proposição, se há possibilidade da realização de um mutirão para liberação de alvarás de aberturas de empresas no município de Criciúma. Segundo ele, há uma longa fila de espera para liberação de habite-se das empresas novas, o que aumenta o trabalho informal e onera o Município pelo não recolhimento de taxas importantes para crescimento da cidade. “Criciúma é uma cidade que se destaca pelo número elevado de empreendedores, liderando percentualmente o ranking catarinense de abertura de novas empresas - acréscimo de 21,3% em 2016 em relação ao ano anterior. Essa vocação da cidade não deve ser dificultada. Diante disso pensamos que a liberação rápida destas solicitações para quem decide ter seu próprio negócio iria ajudar na geração de renda, diminuindo a desburocratização”, comentou o vereador. As duas proposições foram aprovadas por unanimidade.

TEXTO/ASSESSORIA DE IMPRENSA
FOTO/DIVULGAÇÃO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

GIASSI