• Sindma convoca população para participar do movimento contra reformas

Sindma convoca população para participar do movimento contra reformas

24 Abr, 2017 11:21:51 - Geral

Araranguá (SC)

Na terça-feira, dia 25, a partir das 19h, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindma), estará promovendo assembléia extraordinária.

O presidente do Sindma, professor Fernando Espindula está otimista quanto à participação da categoria nesse encontro porque, conforme ele, a pauta de debates e deliberações inclui temas de interesse comum. “Durante a assembléia extraordinária vamos discutir e definir estratégias para o Dia Nacional de Paralisação, que ocorre na sexta-feira, dia 28. A intenção é reiterar e externar publicamente de forma organizada e pacifica a contrariedade contra a maneira com que o Governo Federal propõe as reformas da Previdência e Trabalhista”, disse.

Convocação

Fernando enfatizou que o momento é muito grave, principalmente depois da aprovação da urgência para a votação da reforma trabalhista sem que haja uma discussão mais profunda sobre o tema. “Todas as pessoas estão convocadas a apoiar o movimento. A idéia do governo é acabar com as férias de 30 dias, aumentar a jornada, ampliar indefinidamente os contratos de trabalho temporário, além de acabar com o direito à aposentadoria pública no Brasil”. diz.


União regional

Em Araranguá, o Dia de Paralisação mobiliza diversos segmentos e entidades, incluindo Sindma, Sindicato dos Trabalhadores no Comércio do Vale do Araranguá (Sitracom), Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Vale do Araranguá.( Sinttravale), Sindicato dos Bancários de Araranguá e Região, Sindicato dos Servidores Públicos Federais, acadêmicos do IFSC,União das Associações de Moradores de Araranguá (Uama), representantes do Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da Receita Federal (SindiReceita), do Sindicato Nacional dos Servidores Administrativos do Ministério da Fzenda (SindFazenda), sindicato dos trabalhadores rurais e agricultura familiar dos municípios de Praia grande, Sombrio, Jacinto Machado, Turvo, Balneário Gaivota e várias lideranças locais. Uma caminhada está prevista para ocorrer na sexta-feira, dia 18, iniciando, a partir das 9h, no Campus do IFSC de Araranguá e seguindo até o entorno da Praça Hercílio Luz. A manifestação será pacifica, mas terá apitos, faixas, cartazes e palavras de ordem.

Principais mudanças

A reforma da Previdência prevê a idade mínima de 65 anos para homens e mulheres se aposentarem, com 25 anos de contribuição. A regra de transição prevê que homens com mais de 50 anos e mulheres com mais de 45 poderão entrar num regime pelo qual terão que pagar um pedágio de 50% sobre o tempo faltante para a aposentadoria.

Pelas regras atuais, os homens podem se aposentar com 35 anos de contribuição e as mulheres, com 30 anos. Não há idade mínima.

TEXTO/ASSESSORIA DE IMPRENSA

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

EXPRESSO COLETIVO ICARENSE