• O artesanato como forma de terapia em Balneário Rincão

O artesanato como forma de terapia em Balneário Rincão

04 Out, 2017 15:13:41 - Saúde

Balneário Rincão (SC)

O artesanato como forma de terapia é muito indicado para pessoas com alguma dificuldade motora ou mental. O artesanato, além de ser um ótimo hobbie, é uma boa maneira para se ganhar dinheiro como empreendedor. Mas fora isso, ele também é capaz de transformar a vida das pessoas, sendo usado como terapia, que consiste em atividades de trabalho ou lazer que demandam tempo e podem ajudar no tratamento de distúrbios físicos e psicológicos. Isso faz com que o indivíduo enxergue seu potencial interno e sinta-se capaz de realizar funções importantes. No Ambulatório de Saúde Mental de Balneário Rincão, a técnica de trabalhar com artesanato como terapia tem trazido resultados positivos.

A coordenadora do Ambulatório de Saúde Mental de Balneário Rincão Lucimar Borges explica que muitos das pacientes que começaram a fazer artesanatos mostraram melhores de seus problemas. Um exemplo é Nelsa Becker, que frequenta o ambulatório há um ano. Ela pontua que apresentou melhoras do problema de depressão, quando o psiquiatra chegou a pensar em internação. Segundo ela, após começar a terapia com a oficina de artesanato começou a sentir melhoras. “Está fazendo bem”, resume. A coordenadora do serviço Lucimar Borges aponta que procura trabalhar por tarde com grupo de no máximo cinco pessoas. Segundo ela, as escolhas das companhias são realizadas por afinidade para que todos se sintam à vontade. “É uma grande troca de experiência. Uma atividade muito rica”, sentencia Lucimar.

Dona Nair de Souza Goulart não tinha mais vontade de sair de casa e procurava o isolamento. Ela começou a fazer a terapia com a oficina de artesanato e tem mostrado avanços. Após alguns anos frequentando o local, dona Nair renovou a carteira de motorista, voltou a dirigir e a fazer outras atividades social. “Único local que saio de casa com bastante disposição é para vir aqui, fazer parte do Ambulatório de Saúde Mental. Minha alegria é estar aqui”, declara dona Nair.

A aposentada Ana Salvador Benincá participa do Ambulatório de Saúde Mental há 23 anos, mesmo quando Balneário Rincão pertencia a Içara. Ela diz que participar da oficina de artesanato. Outra participante de anos é dona Valéria Zabot. “Adora estar aqui”. Atualmente as produções na oficina estão voltadas para os enfeites de natal e para os mimos a serem doadas como lembrança das mulheres que participarem da campanha do outubro rosa.

Benefícios do artesanato para a saúde 

Como já diria a sua vó – ou a de muitas pessoas – “cabeça vazia é oficina do diabo”. O ditado popular é antigo e um tanto quanto exagerado, mas faz um certo sentido. A prova disso é que psicólogos, terapeutas, psiquiatras e outros profissionais que estudam a mente sempre indicam atividades para seus pacientes manterem o pensamento ocupado. Seja a prática de um esporte, um novo hobbie, ou até a confecção de artesanatos. É cientificamente comprovado que técnicas manuais ajudam a melhorar a autoestima e o estado emocional. 

TEXTO/ASSESSORIA DE IMPRENSA
FOTOS/DIVULGAÇÃO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

JInews