• Verba de R$ 1,2 milhão, advindos da ANEEL será destinada para compra da planta piloto, que deve ser instalada ainda em 2018

Mais um passo para a implantação da tecnologia de Captura de CO2

27 Dez, 2017 15:37:36 - Educação

Criciúma (SC)

O Centro Tecnológico da Satc começará 2018 com mais uma etapa do projeto de Captura de CO2. Serão destinados para a compra da planta piloto do projeto R$ 1,2 milhão, verba que faz parte do projeto Captura de CO2 “fase 2”, de Pesquisa e Desenvolvimento da ANEEL de R$ 5 milhões, que foi aprovado em 2016.

A planta piloto fará a captura de duas toneladas de CO2 por dia e será a primeira planta com essa tecnologia no mundo. Ela faz parte da parceria que a ABCM/SATC tem com o National Energy Laboratory (NETL) do Departamento de Energia dos Estados Unidos.

“Essa planta piloto permitirá que o CTCL/SATC venha testar outros adsorventes desenvolvidos no mundo, como o que foi patenteado pelo NETL em pesquisa desenvolvida no projeto de Captura de CO2 “fase 1”. Os resultados de laboratório do adsorvente feito com cinzas de carvão, já está em fase final de ensaios no Estados Unidos e os resultados muito promissores”, explica o diretor executivo da Satc e presidente da Associação Brasileira de Carvão Mineral (ABCM), Fernando Zancan.

O projeto de Captura de CO2 desenvolvido pela SATC está dentro do cronograma estipulado. Para essa nova fase foi contratada a empresa ICON para executar a construção, que deverá estar pronta em julho de 2018.

“A Captura de CO2 cada vez mais passa a ser importante para que as metas climáticas sejam atingidas no mundo e esse projeto da Satc pode colocar o Brasil na vanguarda desta tecnologia. Esperamos para o ano de 2018 os primeiros resultados em escala piloto desse projeto”, afirma Zancan.

ASSESSORIA DE IMPRENSA

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

CDL Içara