• Mais prazo para tentar uma solução para JBS em Morro Grande

Mais prazo para tentar uma solução para JBS em Morro Grande

25 Ago, 2017 16:19:12 - Economia

Araranguá (SC)

Os prefeitos da região sul se reuniram na sede da AMESC para debater os impactos do fechamento da unidade da JBS de Morro Grande. Da região da AMREC estiveram presentes o presidente da Associação, o prefeito de Cocal do Sul, Ademir Magagnin, e o prefeito de Nova Veneza, Rogerio Frigo. Presentes no encontro a maioria dos prefeitos da região da AMESC, deputados Federais e deputados Estaduais. Durante o encontro o presidente da AMREC propôs argumentar com diretores da empresa afim de conseguir mais prazo, antes do fechamento. “Vamos propor para eles que a empresa aguarda mais um ciclo, o que dura 60 dias, levando o caso até o fim do ano e nos dando mais um prazo para negociar, e tentar arrumarmos uma solução”, propôs Ademir.


Na semana que vem uma comissão composta pelo presidente da AMREC, Ademir Magagnin, e os prefeitos que tem unidade da JBS, como o presidente da AMESC e prefeito de Morro Grande, Valdionir Rocha; o prefeito de Nova Veneza, Rogerio Frigo; e o prefeito de Forquilhinha, Dimas Kammer; vão tentar nova reunião para conversar com diretores da JBS.

Paralelo a isso os deputados estaduais vão tentar intervenção junto ao governo do Estado, vão procurar o governador Raimundo Colombo; o vice-governador, Eduardo Moreira; e o secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa. Os deputados federais vão tentar audiência com o BNDS, que é dono de parte da JBS; assim como audiências no Ministério de Agricultura. A cooperativa Aurora também será procurada para ver o interesse de compra da empresa.

TEXTO/ASSESSORIA DE IMPRENSA
FOTO/DIVULGAÇÃO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

EXPRESSO COLETIVO ICARENSE