• Evolução das práticas de gestão pública de Chapecó

Evolução das práticas de gestão pública de Chapecó

21 Fev, 2017 15:57:30 - Geral

Chapecó (SC)


Demonstrar as potencialidades e os exemplos de uma das regiões mais estruturadas do País e, com isso, obter subsídios para implementação de boas práticas e ações de gestão pública focado nos pequenos negócios. Com este foco, representantes do Sebrae Bahia e Nacional acompanharam, nessa semana, uma missão que trouxe 18 prefeitos eleitos e reeleitos, bem como representantes de Poderes Públicos das regiões Baixo Sul, Vale do Jiquiriçá e  Recôncavo da  Bahia ao Oeste e Extremo Oeste catarinense.


A programação iniciou na manhã dessa segunda-feira (20), no município de Chapecó, com reunião na Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), onde os integrantes da missão baiana, acompanhados pelo coordenador regional oeste do Sebrae/SC, Enio Albérto Parmeggiani, foram recebidos pelo gerente da ADR Gilberto Tomazzi e sua equipe. Após conhecerem a estrutura, os objetivos e a evolução do trabalho feito pela agência, acompanharam apresentação das ações desenvolvidas por algumas entidades.


A Associação dos Municípios do Oeste de SC (Amosc) foi apresentada pelo secretário interino Jorge César Drews que relatou a história, os desafios e as conquistas iniciativa, fundada em 1968. Com atuação em 21 municípios, a Amosc tem como missão promover a excelência da administração pública municipal e o desenvolvimento regional sustentável por meio da integração institucional do assessoramento técnico e da prestação de serviços. Além da Amosc, foram apresentados o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico, Social e Meio Ambiente (Cidema), o Consórcio Intermunicipal de Saúde (Cis-Amosc) e o Instituto de Desenvolvimento Regional (Saga).


Outro empreendimento de destaque foi mostrado pela diretora executiva da Sociedade de Garantia de Crédito (SGC/GaranteOeste), Márcia Hoepers Kleber, que focou na missão e nos resultados da entidade. Criada com o objetivo de elevar a competitividade e o desenvolvimento sustentável das empresas por meio de serviços de acesso ao crédito, a SGC tem como parceiros as coordenadorias regionais oeste e extremo oeste do Sebrae/SC, 18 entidades empresariais vinculadas à Facisc e 10 cooperativas do Sicoob. O foco da instituição é analisar projetos e pedidos de financiamentos pleiteados pelos associados e emitir cartas de crédito como garantia complementar nas operações realizadas junto ao sistema financeiro.

Carlos Henrique Nunes de Oliveira, da Unidade Regional do Sebrae Santo Antônio de Jesus, realça a importância da missão ao comentar que o objetivo é absorver os exemplos bem-sucedidos e se organizar para colocar em prática no território. “À medida que conseguirmos implantar parte do que acontece aqui, teremos evolução em nossa região”, enfatiza ao exemplificar que entre os segmentos a serem explorados na Bahia estão o de saúde, Consórcio de Segurança Alimentar e a melhoria da alimentação da merenda escolar.


O prefeito de Mutuipe – município de 24 mil habitantes situado na região do Vale do Jiquiriçá - Rodrigo Maicon de Santana Andrade, destaca que a base econômica de sua cidade é focada na agricultura familiar, tendo entre os principais produtos o cacau, a banana, a mandioca e o bovino de corte. “O encontro foi maravilhoso. São muitas informações importantes e espero colocar em prática em nosso município. Queremos planejar a agricultura familiar e reduzir o êxodo rural”.


O prefeito de Santo Antonio de Jesus, Rogério Andrade, enfatiza que a economia do município é diversificada e atua com força nos segmentos de agricultura, pecuária, comércio, entre outros. Situado no Recôncavo, o município conta com 105 mil habitantes e é considerado polo de uma região com 32 cidades em seu entorno. “Nosso objetivo é conhecer experiências e seguir ideias de uma das regiões mais desenvolvidas do País”, destaca ao exemplificar que uma das iniciativas que visa implantar é o Consórcio Municipal de Saúde. 


Prefeitura de Chapecó


Os representantes da missão também participaram de uma reunião com o prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, no Gabinete da Prefeitura. Lá, conheceram a evolução da cidade polo do oeste, considerada referência em empreendedorismo e associativismo. Com 210 mil habitantes, o município é reconhecido como a capital catarinense da agroindústria e do turismo de negócios. “O espírito de vencer desafios nos fez grandes. Vamos completar 100 anos e o resultado está na expressão da economia construída com esforço, união e associação”, assinala.


Ao abordar o associativismo, o prefeito também mencionou a Efapi, feira multissetorial que neste ano integrará a programação do centenário do município. Segundo ele, o evento é construído a várias mãos com a participação de representantes de 85 entidades que formam uma grande comissão. Também falou da importância que a Associação Chapecoense de Futebol exerce para o município e do processo de reconstrução do time após a tragédia que abalou o país. A programação em Chapecó também incluiu visita à Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA), onde a missão foi recebida pela coordenadora de projetos e planejamento da Secretaria de Saúde, Gessiani Larentes, e sua equipe.


TEXTO: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

FOTO: DIVULGAÇÃO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

Cooperaliança