• DNIT/SC retira acessos irregulares na BR-101, em Pescaria Brava

DNIT/SC retira acessos irregulares na BR-101, em Pescaria Brava

18 Out, 2017 18:10:28 - BR-101

Pescaria Brava (SC)

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT/SC) faz nesta quarta-feira, 18, trabalhos de eliminação de acessos de serviço e de antigas alças de desaceleração instalados entre o km 320 ao km 322 da BR-101 Sul, em Pescaria Brava. A execução faz parte do cronograma da autarquia para retirada de espaços inutilizados e travessias irregulares que são utilizados após as obras de duplicação da rodovia federal. A movimentação feita sobre espaços irregulares afetam a trafegabilidade na rodovia federal, oferecendo risco de acidentes aos usuários. Em muitos dos casos, a circulação danifica o sistema de drenagem e proteções, bem como desgastando o talude, formando erosão. 

Serão removidos dois espaços no lado direito (paralelo ao fluxo no sentido Norte-Sul) que ainda fazem a ligação das vias laterais com as pistas duplicadas, que permaneciam interrompidos e bloqueados com proteções moveis de concreto. As alças acabavam sendo usadas como estacionamento para veículos, oferecendo risco ao tráfego local de veículos. O serviço ajuda a regularizar os acessos, construídos e que estão em uso, para Pescaria Brava.

O DNIT/SC mantem trabalhos constantes para eliminar espaços irregulares, seja por acessos de serviços que ainda estão em uso ou travessias feitas em locais inapropriados, oferecendo risco de acidentes. Ações desse tipo foram feitas em setembro passado, no km 367, em Sangão, com instalação de defensas metálicas no canteiro central para evitar a travessia de máquinas agrícolas. Os acessos indevidos ao fluxo de veículos em longo curso se juntam ao risco das travessias feitas de forma insegura. Em vias laterais, principalmente, motoristas cruzam o canteiro para ter acesso às pistas duplicadas, usando o acostamento como faixa de aceleração, manobra proibida pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Esse tipo de acesso é visto no km 306, em Laguna.

A utilização de passarelas, passagens inferiores, calçadas e travessias sob viadutos contribuem para aumentar os riscos de acidentes envolvendo veículos e pedestres. Espaços destinados à circulação de pessoas, identificados pela sinalização vertical e horizontal, são garantidos pelo CTB, ficando o motorista que o desrespeita passível às penalidades previstas no artigo 187, com de multa e apreensão do veículo. Para garantir a segurança de todos os usuários da BR-101 Sul, o DNIT/SC recomenda que as manobras de acesso ou retorno de sentido, bem como as travessias entre bairros lindeiros, sejam realizadas em viadutos ou espaços sobre as pistas construídos para esta finalidade.

TEXTO/ ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO
FOTO/ DIVULGAÇÃO

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

Cooperaliança