• Construções de rótulas são solicitadas

Construções de rótulas são solicitadas

14 Ago, 2019 09:02:53 - Política

Criciúma (SC)

A possibilidade de construção de uma rótula na Rua Manoel João Machado, entrada para o Bairro Laranjinha na Rua Antonio Serafim foi questionada em requerimento apresentado pelo vereador Julio Colombo (PSB). Em requerimento apresentado nesta terça-feira (13/8), o vereador afirma que a região citada possui fluxo intenso e a rótula facilitaria a entrada e saída de automóveis, contribuindo com a segurança de motoristas que trafegam nela.

Em segundo requerimento apresentado, o vereador verifica junto ao Deinfra a possibilidade de construção de uma rótula na Rodovia Sebastião Toledo dos Santos entre a Rua Antonio Serafim  do acesso ao Bairro Laranjinha e a Rua João Artismo Gilos de Souza - entrada para o Distrito Industrial Santos Gugliemi. Segundo ele, há vários registros de acidente naquele local.

Esgoto a céu aberto preocupa vereador

O prazo para instalação de, aproximadamente 80 metros de dreno na Rua Caetano Ronchi, localizada no Bairro Laranjinha, foi questionado em requerimento encaminhado para o Município e apresentado pelo vereador Paulo Ferrarezi (MDB). Segundo o vereador, no local corre um esgoto que está a céu aberto, o que vem gerando transtornos, tais como mau cheiro e riscos de doenças. A proposição foi aprovada por unanimidade.

Vereador propõe equipe de saúde exclusiva para cuidados com acamados
 

Em requerimento apresentado ao Município nesta segunda-feira (13/8), o vereador Allison Pires (PSDB), verifica a possibilidade de implantação de equipe de saúde exclusiva para atendimento de pessoas acamadas ou institucionalizadas. Proposição foi aprovada por unanimidade.

Veto a PL que isenta portadores de doenças graves do pagamento de IPTU é mantido

O veto do Executivo ao Projeto de Lei PL nº 11/2018, de autoria do vereador Ademir Honorato (MDB), que prevê a isenção do pagamento de IPTU aos portadores de doenças graves, foi mantido pelos parlamentares na Sessão desta terça-feira (13/8) com oito votos contrários, sete favoráveis e uma abstenção. Para a matéria, eram necessários nove votos contrários ao veto, por isso manteve-se o veto do Executivo.

A matéria vetada pelo Município previa a isenção do pagamento de IPTU aos portadores de neoplasia maligna (câncer), paralisia irreversível e incapacitante, Parkinson, Alzheimer, Esclerose Múltipla (EM), e Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). Estimativas do Instituto Nacional do Câncer (INCA) mostram que no Brasil, no biênio 2018-2019, cerca de 600 mil casos novos de câncer deverão ser registrados.

Conforme justificativa do Executivo, a concessão da isenção prevista no PL, “implicaria em evidente perda de arrecadação, tendo em vista o vasto rol de doenças que se enquadrariam como passíveis de isentar o seu portador”.

TEXTO/ ASSESSORIA DE IMPRENSA

REDAÇÃO JINEWS
Postado por REDAÇÃO JINEWS

Tudo o que acontece em Içara, Balneário Rincão e na região você encontra primeiro aqui!

Cooperaliança