• Coluna de Maso Nyetto - 31 de outubro de 2017

Coluna de Maso Nyetto - 31 de outubro de 2017

31 Out, 2017 09:26:20 - Colunistas

 “Este é um momento importante para o nosso partido na região, em especial para nós de Içara. O Boca é um dos nomes do nosso partido para concorrer como prefeito nas eleições municipais de 2020. Nossa meta é eleger pelo menos dois vereadores em Içara”. Adair Benjamin de Souza (China), presidente do PRB de Içara (SC).

O Ministério Público do Trabalho (MPT)

Instaurou Inquérito Civil no dia 18 de julho para investigar possíveis irregularidades na Assembléia Geral do Sindicato dos Servidores Públicos de Içara de Balneário Rincão  (Sindserpi) ocorrida no último dia 13 do mesmo mês. Uma denúncia anônima foi feita no mesma data da assembléia que decidiu por mudanças no estatuto do sindicato. Na oportunidade, foram votadas algumas alterações como a que exige a participação de associados em pelo menos 40% de assembleias, incluindo as de Balneário Rincão (SC), para poder se inscrever em chapas.


A atual presidente Edna Benedet da Silva alega que a mudança flexibilizou ainda mais a participação, pois antes era necessária a participação em 50% das assembleias. Segundo ela, também não há margem para interpretação quanto à exigência de participação em assembleias no Rincão visto que como o novo município já está na base do sindicato desde 2012 é uma diretoria apenas para os dois municípios.

Por outro lado, a oposição à atual direção entendeu que essa exigência se trata de uma manobra para que esta permaneça no comando do sindicato. Entre as alegações, está a de que os servidores de Içara não eram convocados para os encontros do Balneário Rincão, reduzindo assim sua frequência de participação. Foram anexadas à denúncia fotos, vídeos, áudios daquela assembleia em que as alterações foram votadas sob “apitaços” e bate-boca além de cópias de convocações. 

A informação é do portal de notícias OIçara.

Edna não retornou as ligações do Jornal Içarense.

Vereadores de Içara (SC)

Aprovaram moção parabenizando a Rádio Difusora AM 910 pelos 35 anos. A equipe recebeu a moção do vereador Rodrigues Mendes (PSDB), o Sapinho.


Vereador João Picollo (PT)

Foi reeleito em 2016 e por quatro anos defendeu com unhas e dentes a Administração de Décio Góes (PT) e Olírio José Lino (PSD), que não foi lá essas coisas e deixou a desejar. Tanto que os dois sumiram do Rincão desde que perderam a eleição para Jairo Custódio (PMDB) e Luiz Laurindo (PSD).

Picollo parece esquecer que esteve na situação e tem sido um crítico ferrenho do atual governo, que também vem deixando a desejar. Ele tem usado as redes sociais para detonar Jairo e Luizinho e, com certeza, será a pedra no sapato dos dois.

A taxa de iluminação pública

De Içara (SC) deve ter aumento nos próximos meses e bem elevado. Aguardem.

Pelo menos é essa projeção que faz a Administração Municipal. Uma análise quanto ao reajuste da Contribuição para Custeio de Iluminação Pública (Cosip) vem sendo elaborada e o reajuste ainda deve passar por algumas discussões antes de se refletir no bolso do contribuinte.

A decisão deve passar, mais uma vez pelo crivo dos vereadores.

Júlio César de Lucca

Diretor administrativo do Hospital São Donato, comentou na imprensa sobre o atraso no repasse de recursos do Governo do Estado. "No dia que o Hospital celebra 63 anos, temos que lamentar novos atrasos. Já temos mais de R$ 1 milhão em verba atrasada e que precisamos colocar em dia para seguir atendendo a comunidade. O hospital também segue com projetos de modernização e a esperança de que, em 2018, os leitos de UTI possam ser ativados”.

OUTRAS NOTÍCIAS 

Criciúma (SC) - A Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma (SC) assinou R$ 2,2 milhões em convênios destinados às prefeituras de Treviso, Lauro Müller, Forquilhinha, Morro da Fumaça e Urussanga. A assinatura ocorreu na sala do secretário Regional João Fabris.

Brasília (DF) - O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, será o responsável por decidir se o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), será transferido da cadeia pública José Frederico Marques, do Rio, ao presídio federal de Campo Grande (MS).

Brasília (DF) - O ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) afirmou  que irá “mostrar as mentiras que estão sendo faladas” sobre ele. A fala foi uma referência aos depoimentos prestados pelo doleiro Lúcio Funaro e pelo ex-vice-presidente da Caixa Fábio Cleto  na 10ª Vara Federal.

Frase

“Se você não tiver credibilidade para o povo que você governa, junto aos empresários, junto ao sindicato, junto aos outros presidentes, você está desgraçado. Como eu fui o único presidente que teve que comer marmita azeda, passaram a me respeitar, a me ouvir, eu fui levado em conta.”. (Ex-presidente Lula da Silva, em discurso na cidade de Diamantina-MG).

MASO NYETTO
Postado por MASO NYETTO


Cooperaliança