• Coluna de Maso Nyetto - 23 de abril/2019

Coluna de Maso Nyetto - 23 de abril/2019

23 Abr, 2019 08:55:02 - Colunistas

“O município também dispõe de outros incentivos para as empresas, sendo que esse projeto é simples mais traz um retorno substancial, afinal é uma forma de expor a sociedade, as empresas que mais contribuem para o desenvolvimento de Içara”.  Vereador Higor Robetti Batista (MDB), sobre o projeto de lei que institui o Prêmio Empreendedor de Içara (SC) a ser realizado no mês de junho na Câmara Legislativa Municipal.

Para evitar que o consumidor


pague a taxa de água por quantidades além da consumida, situação que pode ocorrer com a entrada de ar no hidrômetro, os vereadores de Içara (SC) aprovaram o projeto de lei PL/05/2019, de autoria do presidente da Câmara, Rodrigues Mendes (MDB), o Sapinho. 

A proposta obriga a instalação de bloqueador de ar no registro de água, mediante solicitação do consumidor, pelas empresas concessionárias do serviço de abastecimento no município.

A matéria ainda determina que a informação ao consumidor sobre a possibilidade de instalação do equipamento deve constar mensalmente na fatura de água emitida pela empresa concessionária, durante três anos subsequentes à publicação da Lei, e as novas instalações já deverão constar com o bloqueador de ar, independentemente de solicitação. 

“É uma medida requisitada pela população, acredito que não prejudica a empresa responsável pelos serviços, mas sim evita qualquer dúvida a respeito do valor da fatura de água”, frisou Sapinho. Com a aprovação da matéria em segunda votação nesta segunda-feira (22/4), o texto segue para a sanção do prefeito municipal.     

Outra preocupação do vereador é a decorrência do cancelamento dos atendimentos das perícias médicas na cidade de Forquilhinha (SC), por isso foi aprovado um requerimento na Câmara Municipal, solicitando informações as agências do INSS de Criciúma (SC) e de Içara (SC) a respeito da situação das perícias realizadas nos dois municípios.

A iniciativa de Sapinho, acontece em virtude do ocorrido na cidade vizinha e de boatos que os profissionais estão querendo parar de realizar esse tipo de procedimento. “É preciso que atentemos da situação, daqui a pouco estão fechando aqui no município ou em outras cidades vizinhas. São muitas pessoas que necessitam desta perícia do INSS”, salientou Sapinho. A proposição foi aprovada no dia 16 de abril.

Caminhoneiros (1)

de seis cidades do Rio Grande do Sul compravam laudos toxicológicos falsos de um laboratório de Criciúma (SC) para garantir o resultado negativo do exame, segundo investigação do Ministério Público de Santa Catarina (MP/SC). 

O exame antidrogas é obrigatório para tirar ou renovar a carteira de motorista de ônibus ou caminhão. 

A informação é do G1.

Conforme o MP/SC (2)

os caminhoneiros gaúchos identificados são das cidades de Alegrete, Flores da Cunha, Osório, São Sepé, Caxias do Sul e Três Cachoeiras.

O promotor de Justiça responsável pela investigação, Gustavo Wiggers, diz que eles pagaram até R$ 1,2 mil em troca do resultado negativo. Os clientes eram usuários de drogas e os exames eram feitos por uma ex-funcionária do laboratório que coletava fios de cabelo em um salão de beleza que frequentava.

O cadastramento biométrico

é obrigatório para todos os eleitores e, em alguns casos, foi estipulado prazo para conclusão dos trabalhos. Nos municípios pertencentes a esta 79ª Zona Eleitoral, o percentual de eleitores cadastrados ainda é muito baixo. “Dessa forma, solicita-se a colaboração para que seja dada ampla divulgação aos eleitores quanto à necessidade de realização de tal procedimento com a maior brevidade possível. Temos por objetivo diminuir as longas filas que, por certo, serão formadas nos dias que antecedem os prazos finais”, ressalta Marcos Antônio da Silva Moraes, chefe de Cartório da 79ª Zona Eleitoral de Içara.

Até o momento, em Içara (SC), dos 40.354 eleitores apenas 15.882 (38,36%) realizaram a biometria, enquanto em Balneário Rincão (SC), dos 10.977 eleitores, somente  2.918 (26,58%), estão cadastrados biometricamente. O Cartório Eleitoral funciona de segunda a sexta das 12h às 19h. Agende um horário.

Outras notícias

Florianópolis (SC) - O Ministério Público de Santa Catarina solicitou o bloqueio de R$ 4,77 milhões do ex-prefeito Altair Cardoso Rittes (MDB),de Dionísio Cerqueira (SC)  e do escritório de advocacia Martins & Garcia Consultoria e Assessoria por ato de improbidade administrativa.

Criciúma (SC) -  O deputa-do estadual Jessé Lopes (PSL), conheceu os espaços utilizados por professores e acadêmicos para ensino e pesquisa por pessoas da comunidade regional, para atendimentos na saúde e por empresas do Brasil, que encontram na Unesc uma parceira nas diversas áreas de conhecimento. 

Brasília (DF) -  Pouco mais de um ano após a prisão do ex-presidente Lula da Silva, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) analisa nesta terça-feira (23/4) o recurso contra a condenação no caso Tríplex do Guarujá (SC). A defesa de Lula pede libertação ou redução da pena, fixada em 12 anos. 

MASO NYETTO
Postado por MASO NYETTO


JInews