• Coluna de Maso Nyetto - 19 de outubro de 2017

Coluna de Maso Nyetto - 19 de outubro de 2017

19 Out, 2017 09:31:02 - Colunistas

 “Vou aguardar a conclusão da comissão para depois me manifestar sobre esse caso”. Tiago Aguiar Marcolino, ex-secretário de Saúde, sobre o processo administrativo disciplinar aberto pelo prefeito Murialdo Gastaldon, publicado no boletim informativo municipal do último dia 2 de outubro, que vai tratar de uma possível irregularidade na Secretaria de Saúde.

A Comissão de Serviços Públicos da Câmara Municipal de Içara

esteve visitando a Escola Municipal de Ensino Fundamental Quintino Rizzieri, no Bairro Jardim Elizabete. Os vereadores também estiveram no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Jorge Elias De Lucca e na Unidade de Saúde da Família, localizados  em Jaqueline. Na escola eles conferiram a existência de locais com infiltrações, principalmente na parte administrativa e o atraso nas obras da quadra poliesportiva. 

“A comissão pretende apresentar uma indicação solicitando o reparo nas infiltrações do prédio. E vamos conversar com o Secretário Municipal de Planejamento, para buscar informações sobre o contrato, licitação e cronograma das obras da quadra esportiva”; informou o vereador Antônio de Mello. 


Segundo a coordenadora do CRAS Rita de Cássia Vieira, a unidade atende 85 crianças, na faixa etária entre seis a 17 anos, realizando atividades lúdicas e esportivas. Realizando atendendo para a comunidade em geral.  “O atuação do CRAS nos chamou a atenção, existe um cuidado muito bom dos profissionais com o atendimento das pessoas que estão com alguma dificuldade, fazendo o encaminhamento aos órgãos competentes”; comentou de Mello, acrescentado que as visitas às unidades públicas são importantes, pois os vereadores conhecem mais sobre a realidade do município. “Notamos a falta de enfermeira na Unidade de Saúde da Família, conforme informações, no momento estão sem esse profissional. Mas nos locais visitados os servidores estão realizando um bom trabalho”.

Lembro aos vereadores que as tampas de bocas-de-lobo da Rua Anita Garibaldi, no Bairro Cristo Rei, ainda não foram colocadas. 

O promotor público (1)

Marcus Vinícius Ribeiro, da 1ª promotoria de Içara (SC), instaurou inquérito civil para apurar a possibilidade de os terrenos da antiga caixa de carvão serem os últimos espaços públicos na área central da cidade. A preocupação diz respeito à questão urbanística. 

No documento enviado ao Executivo, ele questiona o prefeito Murialdo Gastaldon (PMDB) se existem outras áreas que se destinam à praças públicas.

Segundo Gastaldon (2)

Na região urbana tem 2,2 mil lotes. “Acredito que o promotor esteja interessado na inviabilização de um preço melhor a ser apurado na venda destes terrenos.  Faz muito tempo que tem lei autorização. Meses se passaram e ele nada questionou. Agora, quando novo edital é publicado ele faz questionamentos, vai a imprensa quando eu como prefeito sequer fui citado”, comentou Gastaldon ao site sul notícias.com. 

Charles Cargnin (PSB)

Primeiro suplente de vereador da coligação Pra Fazer Diferente, que obteve 683 votos na eleição de 2016, estará ocupando pelo prazo de 31 dias, o lugar de Eduardo (Duca) Zata (PP), que requereu licença sem remuneração para tratar de assuntos particulares. A posse ocorreu na última terça-feira (17/10), no gabinete do Presidente da Câmara, Alex Ferreira Michels (PSD).


Antes de sair de licença Zata teve uma ótima notícia. A divulgação do uso de recursos das multas poderá se tornar obrigatória em Içara (SC). Conforme a proposta do progressista, os dados deverão ser apresentados mensalmente com a indicação do órgão beneficiado e o percentual correspondente à arrecadação. A publicação foi aprovada em segunda votação na Câmara Municipal nesta terça-feira (17). Agora o projeto segue para a promulgação no Poder Executivo. 

OUTRAS NOTÍCIAS 

Içara (SC) -  Nesta sexta-feira (20/10), será realizada a entrega do caminhão basculante, Ford Cargo que trará um incremento na frota da Secretaria de Agricultura em Içara (SC). O veículo foi adquirido por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca, através do deputado federal João Rodrigues (PSD).

Florianópolis (SC) -  A Comissão de Saúde da Alesc realiza em 31 de outubro uma Audiência Pública para discutir as ameaças à prática da enfermagem na atenção básica dos serviços públicos de saúde. A proposição é da deputada Ana Paula Lima (PT), sobre a decisão judicial que suspendeu parcialmente atribuições da categoria.

Florianópolis (SC) - O combate ao roubo de cargas deu mais um passo adiante em Santa Catarina. É que a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de SC aprovou o Projeto de Lei 53.3/2017, que dispõe sobre a cassação da inscrição estadual de empresas receptadoras de carga roubada.

Frase

“Ela mascara a intenção de dificultar a punição de flagrantes em situações degradantes, porque altera o modelo de fiscalização e cria novos conceitos de trabalho escravo, jornada exaustiva e condições análogas à de escravo para fins de concessão de seguro-desemprego ao trabalhado”. (Deputado estadual Rodrigo Minotto - PDT/SC, sobre a Portaria MTB nº 1129/2017 que dificulta o acesso à lista dos empregadores flagrados pelo trabalho escravo no Brasil. ). 

MASO NYETTO
Postado por MASO NYETTO


Cooperaliança