• Coluna de Maso Nyetto - 05 de abril/2018

Coluna de Maso Nyetto - 05 de abril/2018

05 Abr, 2018 09:44:56 - Colunistas

 “Estivemos com o governador Eduardo Pinho Moreira para articularmos a construção da sede do Corpo de Bombeiros e da Casa Rosa. Entregamos ao Legislativo os Projetos de revisão do Plano Diretor e Plano Municipal de Saneamento Básico. Protocolamos na Caixa Econômica Federal o Projeto Avançar Cidades que possibilitará a pavimentação de novas ruas no Município e finalizamos com a assinatura desta importante obra que trará mais mobilidade para a região da Boa Vista e Coqueiros”. Vice-prefeito Sandro Giassi Serafin, que ficou no cargo de chefe do Poder Executivo por sete dias.

Com muita tristeza que registro o falecimento,

nesta quarta-feira (4/4), do ex-secretário de finanças de Balneário Rincão (SC), Valberto Berkenbrock. Ligado ao PT, ele era homem de confiança do ex-prefeito Décio Gomes Góes com quem já havia atuado no Município de Criciúma (SC). Ele também trabalhou em Forquilhinha (SC) e desde 2007 era servidor concursado em Siderópolis (SC).

Berkenbrock tinha 52 anos e há meses lutava contra problemas hepáticos. Ainda não há detalhes sobre sepultamento. Lisy Barcelos “Era uma pessoa inteligente e carismática, infelizmente uma grande perda”, destacou o prefeito de Siderópolis, Hélio Cesa (MDB), o Alemã.

Ele também foi presidente do Diretório do PDT em Balneário Rincão (SC).

A droga mais utilizada (1)

em Içara (SC) é o álcool, seguido pelo crack. A informação foi repassada aos vereadores, pelo estudante de psicologia, Rafael de Souza Gabriel, que fez uso da tribuna da Câmara, na última terça-feira (3/4), para apresentar o estudo sobre dependência química.

Segundo o acadêmico o início do uso de drogas acontece entre os 11 a 16 anos, período da adolescência. “Nesse momento é preciso trabalhar a prevenção, nas escolas, bairros e na família”, informou Gabriel. 

O projeto (2)
O projeto foi realizado na Subsecretaria Municipal de Políticas Públicas Antidrogas de Içara (SC), onde foram analisados 150 prontuários no período de 2015 a 2016. “Minha coleta de dados era feita pela parte da psicologia”, explicou o acadêmico. 

“O homem às vezes tem mais dificuldades de se expressar, de falar sobre seus problemas, onde acaba direcionando sempre ao uso abusivo de drogas”, acrescentou.

O levantamento mostrou dados referentes ao perfil sociodemográfico, clínico e terapêutico dos dependentes químicos do município. 

Após mais de 10h de sessão,
na madrugada desta quinta-feira (5/4), o Supremo Tribunal Federal (STF) negou o habeas corpus preventivo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pelo placar de 6 a 5 pela rejeição ao pedido  – com o voto decisivo sendo dado pela presidente da Corte, Cármen Lúcia. Os onze ministros decidiram não conceder ao petista o direito de responder em liberdade até o final do processo em que foi condenado em primeira e segunda instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, pela posse e reforma de um apartamento tríplex no Guarujá (SP). Com a rejeição do pedido, Lula fica diante da possibilidade de um mandado do juiz Sergio Moro determinando a imediata execução da pena, de doze anos e um mês de prisão.

A partir de agora, começa a contagem regressiva para o encaminhamento e a análise dos embargos dos embargos, último recurso no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, mas incapaz de alterar a condenação de 12 anos e um mês de prisão. 

Em meio ao julgamento do habeas corpus pelo STF, o Jornal Nacional, da TV Globo, começou de um jeito incomum. Os primeiros minutos do programa desta quarta (4) foram dedicados a responder os comentários do ministro Gilmar Mendes no plenário. Ao longo do voto, ele citou o JN como exemplo do que classificou de imprensa “opressiva” e “chantagista”. “Se fez ontem um festival no Jornal Nacional querendo mostrar minha incoerência, eu não tenho incoerência, senão responsabilidade institucional com o país”, disse, referindo-se a uma reportagem sobre a mudança no entendimento dele sobre o tema.“Gilmar Mendes reclamou do Jornal Nacional. O ministro entendeu que o JN quis provar a incoerência dele. Não foi esse o propósito do Jornal Nacional, o que se fez aqui foi apenas jornalismo”, disse Bonner, em tom grave.

Votos contrários ao pedido de Lula: Edson Fachin, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Luíz Fux, Rosa Weber e Carmém Lúcia.Votos favoráveis ao pedido de Lula: Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello.

Frase
“Tenho critério de julgamento e costumo manter minha coerência. Não tenho como reputar ilegal, abusivo ou teratológico o acórdão da 5ª turma do STJ que rejeitou a ordem de habeas corpus, independentemente da minha opinião pessoal quanto ao tema de fundo”. (Ministra Rosa Weber que votou contra a habeas corpus ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva). 

Últimas NOTÍCIAS

Criciúma (SC) - O Projeto de Lei PE 11/18 de autoria do Executivo que “Dispõe sobre a concessão de auxílio técnico desportivo” foi rejeitado com nove votos contrários e seis a favor. Conforme o Executivo de Criciúma  seria possível cumprir uma das etapas do novo plano desportivo municipal e focar no desporto infantil.

Florianópolis (SC) - Jaguaruna (SC) pode contar já no próximo ano com um polo de ensino a distância da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). Para as tratativas, estiveram reunidos em audiência, a deputada estadual Ada Faraco De Luca, o prefeito Edenilson Montini, e o reitor da Udesc Marcus Tomasi.

Brasília (DF) -  A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, recebeu uma nota técnica sobre a constitucionalidade da execução provisória da pena após decisão de segunda instância. O documento foi entregue pelo Presidente do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Justiça (CNPG), Sandro José Neis. 

MASO NYETTO
Postado por MASO NYETTO


JInews