• Coluna de Maso Nyetto - 04 de setembro/2018

Coluna de Maso Nyetto - 04 de setembro/2018

04 Set, 2018 09:28:39 - Colunistas

“É uma homenagem transparente e totalmente isenta como forma de enaltecer não só os serviços prestados pelo bem de Santa Catarina, mas ao apoio e valorização que Eduardo Pinho Moreira sempre dedicou ao trabalho da imprensa local, que resultou em um legado de referência para o fortalecimento da radiodifusão catarinense”. Presidente da Acaert, Marcelo Petrelli, sobre a homenagem ao governador de Santa Catarina, Eduardo Moreira (MDB).

Leonel Camasão faz parte do PSOL desde 22 de dezembro de 2008

e em 2010, foi candidato pela primeira vez a deputado federal. Já, em 2011, ingressou na direção do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina. Em 2012 concorreu à Prefeitura de Joinville (SC). Lançou em 2014  candidatura a deputado estadual. Atualmente na disputa ao Governo do Estado, o jornalista é o primeiro candidato à Casa da Agronômica a promover a campanha em Içara (SC).

A visita ocorreu no último sábado (1°). Além da entrevista coletiva, Leonel esteve no interior do município para discutir o rebaixamento do lençol freático. "Sabemos da importância econômica que o setor carbonífero tem, mas precisamos de uma transição", opina. "A gente entende que o cidadão comum precisa ocupar espaços. só vamos ter um governo para a grande maioria dos catarinenses quando as pessoas comuns ocuparem este espaço. Estamos aqui por um ideal, uma causa que priorize as pessoas, não o dinheiro", coloca.

Entre os pilares do projeto de governo está o combate a corrupção e privilégios, por exemplo, o fim das aposentadorias aos ex-governadores. "Não faz sentido um juiz receber mais de auxilio-moradia do que um professor com 40h. Vamos ter ainda uma política mais voltada aos direitos humanos, principalmente, segurança pública", elenca. "As mazelas que vivemos no Governo do Estado não são fruto apenas da crise econômica, mas também da má gestão", completa.

Para o candidato, o Estado precisa ter descentralização em três pilares: infraestrutura, acesso ao ensino superior e nos serviços de saúde. Em contrapartida, ele corrobora com a pauta regionalista do Sul pelo fim das agências de desenvolvimento regionais. Segundo Leonel, a descentralização administrativa se tornou espaço de cooptação dos partidos. "Entendemos que ao custo de R$ 700 milhões ao ano não vale a pena", afirma.

"Temos que valorizar as empresas públicas. Elas não custam nada ao Estado. Ao contrário, colocam dinheiro. A grande questão da Celesc hoje é que parte do lucro vai para acionistas privados. O que nós queremos é que o dinheiro seja reinvestido em melhorias", ressalta.

Aos 32 anos, Leonel aposta no corpo a corpo e redes sociais para difundir as propostas compartilhadas com a vice Caroline Bellaguarda, de Balneário Gaivota.

Fonte: Lucas Lemos/Canal Içara (O candidato que passar por Içara terá o mesmo espaço).

O destino 
do caminhão VW 35.300 disponibilizado pela Copaza em prol do Hospital São Donato (HSD) está definido. O vencedor foi um morador de Chapecó (SC), anteriormente, residente na região Sul. “Vamos utilizar os recursos obtidos na aquisição de equipamentos e no custeio das atividades. Agradecemos a cada um que contribuiu espontaneamente, principalmente, as entidades que se envolveram diretamente na campanha”, coloca o diretor-administrativo, Júlio César De Luca.

A ação entre amigos encerrou, mas a comunidade pode ajudar com melhorias na fundação filantrópica. Além do trabalho voluntário e doações espontâneas, o HSD possui a possibilidade de contribuições por meio da fatura de energia elétrica da Cooperaliança.

Compromissos 

para o desenvolvimento de Içara (SC) foram assumidos pelo candidato a reeleição a deputado estadual José Milton Scheffer (PP). A assinatura do termo ocorreu em visita voluntária à Associação Empresarial de Içara (Acii), acompanhado de Dalvania Cardoso, ex-presidente da Executiva Municipal do PP.

Frase

“Em 2014 foi o abuso do poder econômico, do caixa 2 usado pelo PT, pelo PMDB, pelo PSDB, e agora nós temos 200 deputados que estão impunes, quando deveriam estar sendo punidos. Dentro do Palácio temos o (Michel) Temer, o Moreira Franco, temos o (Eliseu) Padilha. E é por isso que eu quero fazer a reforma política, para acabar com o foro privilegiado, criminalizar o caixa 2, para que não se tenha uma eleição com dois pesos e duas medidas”. (Marina Silva, candidata da Rede à Presidência da República).

Outras NOTÍCIAS

Florianópolis (SC) - Os doadores e fornecedores de campanhas eleitorais de candidatos e partidos políticos podem ajudar a Justiça Eleitoral a fiscalizar as contas de campanha e combater a corrupção. Por meio do sistema Informações. Durante a Campanha – IDC, qualquer pessoa que realizar uma doação pode informar a Justiça Eleitoral.  

Florianópolis (SC) - Na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na internet, o eleitor tem à disposição um Simulador de Votação na Urna Eletrônica. Nele o cidadão pode treinar a votação para os cargos em disputa nas eleições de 7 de outubro da mesma maneira como ocorrerá no dia do pleito, como se estivesse diante de uma urna eletrônica.

Rio de Janeiro (RJ) - A mansão do ex-governador Sérgio Cabral (MDB), à beira-mar, em Mangaratiba, em Rio de Janeiro (RJ), será leiloada nesta terça (4). O valor mínimo estipulado pela Justiça é de R$ 8 milhões. Uma lancha de 80 pés (cerca de 24 metros), batizada de Manhattan Rio, também, vai a leilão e o lance mínimo será de R$ 4 milhões. 

MASO NYETTO
Postado por MASO NYETTO


JInews